CIDADES
31.03 - 13h45min
A
A
A
Passagem provisoriamente liberada na ponte do Jardim São Cristóvão

Umuarama - 
Com a recuperação dos aterros nas duas cabeceiras, a passagem de veículos e destres foi provisoriamente liberada pela Prefeitura nesta quarta-feira, 29, na ponte sobre o córrego Pinhalzinho, no acesso ao Jardim São Cristóvão pela rodovia PR-323. A movimentação de veículos – principalmente caminhões pesados – ajudará a estabilizar o solo, que nos próximo dias receberá a capa asfáltica, concluindo a recuperação.

O prefeito Celso Pozzobom, que tem acompanhado o trabalho, destaca o cuidado para que o problema não seja mais recorrente. A cabeceira da ponte desmoronou devido ao rompimento de uma galeria pluvial. Quando o aterro foi escavado para os reparos, outros problemas se revelaram na base da ala de concreto, já afetada pelas águas do ribeirão. Por isso, o serviço demorou um pouco mais que o previsto.

“Estamos fazendo um trabalho definitivo na ponte do São Cristóvão, uma recuperação que garanta boas condições de uso por bastante tempo, evitando que a população – moradores do bairro e da zona rural, alunos e professores do Colégio Agrícola e da Universidade Estadual de Maringá (UEM) e funcionários que operam a estação de tratamento de esgoto (ETE) da Sanepar – enfrente novamente estes transtornos”, disse o prefeito Pozzobom.

O secretário de Obras, Planejamento Urbano e Projetos Técnicos, Isamu Oshima, lembra que parte das fundações da ponte ficaram expostas, o que ameaçava a integridade das alas. Por isso, além da recomposição dos aterros foi implantada uma extensão da base em concreto, aprofundando as alas. “As vigas vão reforçar a estrutura e garantir sua integridade, além de proteger o aterro da água do córrego, que entrava por baixo do concreto”, informou.

A base do aterro foi preenchida com pedra rachão, para drenar a água das nascentes, recebeu uma manta de bedin (material geotêxtil, utilizado em obras de drenagem) e só então a cobertura com terra. As galerias foram redirecionadas e não despejam mais água das chuvas nos aterros, que não será mais comprometido em caso de rompimento da tubulação. Dependendo das condições climáticas, na próxima semana a Secretaria de Obras vai preparar o solo e pavimentar os dois acessos à ponte. A sinalização, em seguida, completará o serviço.


Fonte: Secretaria de Comunicação - Secom / Prefeitura de Umuarama
Fotos: Tiago Boeing/ PMU

Deixe o seu comentário
PARCEIROS
Umuarama 24 Horas
Copyright © 2017
Todos os direitos reservados.
44 3624-8479
44 8454-2073
Por: